ATENDIMENTO PSICANALÍTICO A IMIGRANTES

Migrações são fenômenos tão antigos quanto a história da humanidade. Assim, a maioria dos países foi formada por povos de variadas origens, o que levou a nações compostas por grupos étnicos e culturas diversas.

Atualmente, a globalização provoca mobilidade e deslocamentos constantes, seja por questões econômicas, políticas ou sociais, seja por perseguições religiosas, étnicas, sexuais, seja por catástrofes naturais etc. Surgem assim vários perfis humanos que não se podem reduzir apenas a categoria de nacionais ou estrangeiros, tais como: imigrantes, migrantes, expatriados, exilados, profissionais ou estudantes temporários, retornados, refugiados etc.

As categorias tempo, espaço, origem e destino atravessam estas relações, assim como as ideias imaginárias sobre quem é esse outro. A convivência entre pessoas de características tão variadas nem sempre é fácil, e conflitos podem acontecer. Alguns são vítimas de preconceitos, exclusões e violência, outros são bem recebidos e integrados à comunidade.

Contudo, o imigrante, “aquele que vem de fora” tem de conviver com outra língua, cultura e relações para além do familiar. Arranjar emprego, fazer novos amigos, falar a língua, compreender códigos sociais e culturais diferentes são alguns dos desafios que precisará enfrentar. Portanto, o deslocamento do lugar de origem provoca efeitos subjetivos que precisará elaborar.

O Projeto Ponte surge para oferecer atendimento psicanalítico àqueles que precisam na tentativa de elaborar os efeitos da migração.

Clínica Psicológica do Instituto SEDES Sapientiae
Endereço: Rua Ministro Godói, 1484 – Perdizes – São Paulo – SP – Brasil
Telefones para contato:  +55(11) 3866-2730 e +55(11) 4702-5971
Maiores informações entrar em contato com a secretaria da Clínica: clinica@sedes.org.br ou telefone: +55(11) 3866-2735/2736 de Segunda a Sexta-feiras das 8h00 às 20h00 e aos sábados das 8h00 às 12h00.

Acesse o blog do Projeto Ponte



Categorias:legislação

%d blogueiros gostam disto: