CELEBRANDO A DIVERSIDADE

Museu da Imigração traz diferentes tradições natalinas para o Brasil.

Começou no dia 7 a programação especial de Natal do Museu da Imigração – instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. Localizado no bairro da Mooca, o museu oferece atividades gratuitas para toda família nesta época do ano, com foco na divulgação das tradições dos imigrantes que fixaram em São Paulo.

O Coral Rafaelis, da Associação Amo a Mooca, que há 15 anos leva músicas nacionais e italianas ao público, abriu as atividades natalinas. No mesmo dia, o Coral das Mães Coreanas cantou repertório variado.

No dia 14, foi a vez do Coral Russo Melodia se apresentar. Seu repertório é formado por canções líricas, tradicionais e folclóricas que exprimem vários aspectos do patrimônio cultural da Rússia. Fechando a programação musical, o Coral Polonês da Cidade de São Paulo apresenta canções tradicionais de Natal da Polônia.

“Um dos grandes objetivos do museu é poder trazer esse patrimônio, toda essa tradição passada de pai para filho, em especial em ocasiões como o Natal, para um público maior”, explica Marília Bonas, diretora executiva do Museu da Imigração. “Queremos mostrar como diversas culturas comemoram e se encontram nesta época do ano”, completa.

Para aproveitar o Dia Internacional do Imigrante, o Museu da Imigração promove no dia 19, às 18h, uma visita pela exposição “As representações do Natal e as celebrações de fim de ano”, um passeio que irá suscitar as memórias natalinas, relacionadas às tradições de imigrantes e descendentes.

“A ideia é que toda essa programação seja em diálogo com o público, compartilhando as próprias tradições”, comenta Marília. Nesse dia, o museu oferecerá visitação noturna, estendendo o horário de funcionamento até às 21h.

Encerrando a programação de Natal, do dia 9 de dezembro ao dia 6 de janeiro, um presépio com objetos do acervo do museu estará em exposição. A vitrine abriga cerca de 50 peças tradicionais doadas por uma família portuguesa.

Museu da Imigração

Além da programação exclusiva para o Natal, o Museu do Imigrante oferece, de terça a domingo, exposições de longa duração, temporárias, itinerantes e virtuais. Os ingressos custam R$ 6 e, aos sábados, a entrada é gratuita.

Reinaugurado em maio de 2014, o Museu da Imigração reabriu suas instalações com novo plano museológico e exposições completamente reformuladas. Sediado no edifício da antiga Hospedaria do Brás, retomou as atividades com o objetivo de compreender e refletir o processo migratório a partir da história das 2,5 milhões de pessoas, de mais de 70 nacionalidades, que passaram pelo prédio entre os anos de 1887 e 1978.

(G1 – 15/12/2014)



Categorias:imigrantes

%d blogueiros gostam disto: