IDENTIDADE CULTURAL E INTEGRAÇÃO DOS ITALIANOS NO BRASIL

A identidade cultural como fator de integração. Comunicação, história, cultura e memória na hibridação dos itálicos no Brasil

Os italianos no Brasil. A questão do outro no encontro com o estrangeiro, com o diverso de nós. Quais as características da diáspora itálica e quais as contribuções à identidade brasileira? Uma primeira hipótese de análise da presença italiana através dos diferentes níveis de integração que produziram a hibridação da cultura italiana com as muitas culturas presentes no Brasil e que contribuíram à formação do brasileiro, do Brasil e dos Brasis. Um país e um povo rico de diversidades, de misturas e de convivências de sucesso. Italianos portanto, também, brasileiros. Trazer elementos de reflexão para o campo do conhecimento relativo à identidade, ao diálogo entre culturas, às hibridações culturais, à alteridade como abertura ao outro para desenvolver relações mais comunicativas e uma possível interculturalidade. A construção de uma base teórica a partir das teorias sobre globalização e cosmopolitismo, passando através da evolução das teorias das migrações para a formulação de algumas hipóteses específicas através da elaboração de alguns novos conceitos como o da italicidade e dos itálicos. Planejamento de uma pesquisa empírica de campo a partir deste trabalho de conhecimento e reflexão teórico e histórico.

Barbara Giulia Teresa Laura Bechelloni

Acesse aqui a dissertação em pdf

%d blogueiros gostam disto: