UM EXEMPLO A SEGUIR

Prefeitura de Criciúma lança Guia dos Imigrantes.

A prefeitura de Criciúma lançou o Guia do Imigrante, em um evento a tarde desta quarta-feira no Paço Municipal. A cartilha foi desenvolvida em parceria com a Associação Empresarial de Criciúma. A ideia do material didático é orientar os estrangeiros que chegam para fixar residência na cidade. O material traz informações básicas necessárias para a localização dentro de Criciúma, com destaque para os principais serviços que esses imigrantes podem precisar.

O Guia do Imigrante foi lançado em duas línguas oficiais – francês e inglês. A cartilha traz dados importantes para que o imigrante saiba o que fazer quando chega na cidade. No guia consta a Casa de Passagem, que serve como um lugar temporário, até que o estrangeiro consiga comprar ou alugar um lar definitivo. O material também orienta sobre a importância da regulamentação dos documentos necessários para permanecer legalmente na cidade. Definido o lugar para ficar e com os documentos regularizados é hora de procurar um emprego.

No guia se encontra algumas explicações sobre a jornada de trabalho no Brasil como: remuneração, período de experiência, aviso prévio e abandono de emprego. No verso do guia está ilustrado um mapa que destaca os principais pontos da cidade como a Prefeitura de Criciúma, o Hospital São José, os Terminais Rodoviários, a Polícia Federal, a Casa de Passagem e o Pronto Atendimento 24Horas.

“Criciúma é uma cidade formada por imigrantes. Portuguesa, italiana, alemã, polonesa, africana, árabe e espanhola são as etnias que marcam a miscigenação do nosso povo. Eles colonizaram a nossa cidade. É nosso dever receber bem esses imigrantes para que prosperem aqui e encontrem em Criciúma um lar, uma nova oportunidade”, relata o presidente da ACIC César Smielevski. O prefeito Márcio Búrigo fez menção ao dia 13 de maio de 1888, data em que foi assinada a Lei Áurea.

“Nós temos uma dívida eterna com a etnia negra, que sofreu por muitos anos com a escravidão no país. E nenhuma ação feita por nós vai perdoar o que fizeram no Brasil nos nossos antepassados. Dar suporte para esses imigrantes é nossa obrigação”, enfatiza o prefeito.

Tharcila Werlich

(Difusora 910 – 14/05/2015)



Categorias:imigrantes

%d blogueiros gostam disto: