COMENTÁRIOS, REAÇÕES E DÚVIDAS

 

AS RESPOSTAS A PERGUNTAS E DÚVIDAS ESPECÍFICAS SÃO ENCAMINHADAS DIRETAMENTE AO E-MAIL DOS LEITORES E/OU DESENVOLVIDAS EM MATÉRIAS PUBLICADAS ULTERIORMENTE

*****

“A senadora Vanessa esta certa em pensar que medicos estrangeiros trabalhem nas regiões mais necessitadas do Brasil, porém os medicos estrangeiros tem boa capacidades intelectuais e pratica para lidiar com urgências e emergências medicas, trabalhar no (PSF) Programa de saude familiar nos postos de saude . Os medicos brasilereiros, o CRM, e cooperativas, estão assustados por diminuir a praza do mercado e seus ganhos econômico , reclamam dificultando ao medico estrangeiro para conseguir o CRM com a inversão do REVALIDA que realiza provas cada vês mais difícil para que seja maior número de candidatos inscritos , menos medicos aprovados, maior ingressos econômicos para seus advogados, procuradores e maior número de medicos decepcionados , que por necessidades de sobrevivência deixam seu pais, suas famílias e vem em busca de oportunidades de demostrar seus capacidades como processional.

Então presidenta Dilma tome uma atitude que desde o ano passado aguardamos por esta resolução do problema de saúde, de a oportunidade a seu povo e a esses medicos que realmente precisam trabalhar”.

Dra Maryorith Mendoza

27/03/2013

*****

“Eu, Viriato Vieira Luamba, de nacionalidade Angolana, portador do RNE  (…) residente na cidade do Rio de Janeiro casado com uma Brasileira e tendo atualmente 03 filhos maravilhosos.

Cheguei no Brasil, em 1993 mas precisamente na cidade do Rio de Janeiro, fugindo da minha terra natal devido a guerra civil que ocorria em todo território naquele momento, Onde fiz a solicitação junto a cáritas da cidade o pedido de refugio conforme a lei 9.474 de 22-07-1997.

Atualmente não consigo renovar o meu RNE, tendo em vista que foi publicado no diario oficial que todos os Angolanos e Liberianos na condição de refugiados, tornariam-se permanente nas suas classificações. conforme a portaria 2650 de 25-12-2012.

Sendo que as cáritas não passa as informações precisas referente as documentações necessarias, já a policia federal no primeiro momento esta solicitando uma declaração das cáritas para liberar as renovações.

Por sua vez as caritas alega,  que não poderá fornecer a tal declaração tendo em vista que a galera não era mas de sua responsabilidade. A policia federal então começou a solicitar uma carterinha consular e agora também esta solicitando a correspondencia enviadas aos refugiados.

Meus SENHORES quando muitos Angolanos chegaram ao Brasil fugindo da situação em o país encotrava-se na sua maioria não possuia todos os documentos necessarios, e outros ainda vieram com nomes de outras pessoas para poder sair o mais rapido do país.

O consulado Angolano no Rio so fornece carterinha quem tiver certidão de nascimento reconhecido em Angola pela relações exterior e Justiça, vivo no mesmo endereço a mmas de 6 anos e também não recebi nenhuma correspondencia da policia federal.

Preciso bastante da ajuda dos senhores sobre todo o processo correto e exato na renovação de refugiado para permanente conforme a portaria 2650 de Dezembro de 2012.
Conto bastante com a colaboração dos mesmos,

desde já agradeço a todos!!!”

Viriato Luamba

*****

“Olha se está essa procura de casamento para ter visto permanente, não deveria ser considerado crime, pois temos os nossos corpos e podemos fazer o que quisermos”

Agno damasceno

27/10/2012

*****

“EU CONHEÇO UMA FAMILIA  DE ONDE  A  Anita Niki  GOSTARIA   DE SABER ONDE ESTAR NAO SEI  SE E A FAMILIA QUE ELA PROCURA  MAIS  SE CHAMA  CARMEM  BREAZU,  HELENA BREAZU E  OCTAVIAN BREAZU MORA EM SP SE  FORPOSSOAJUADAR    OK   BEIJO”.

Raquel Maia

01/10/2012

*****

“Olá, sou acadêmica do 6° período de direito na cidade de Foz do Iguaçu-PR. Estou fazendo um artigo sobre a isonomia e o estrangeiro frente as medidas cautelares e sua efetividade e estou encontrando dificuldade para encontrar literatura. Seria possível que me ajudassem com isso? Me indicando alguns autores que escrevam sobre o assunto, ou pelo menos, que tenham relação e possam me dar um norte. Aguardo. Agradeço”.

Andrea Rejeane.

27/09/2012

*****

“Infelizmente falta um meio através do qual os Portugueses residentes no Brasil, tenham a possibilidade de interagir com aqueles que, na atual dramática situação de Portugal, coagidos pelas circunstâncias e, até “enxotados” da terra onde nasceram, querem imigrar para este País”.

Aníbal Tomás Germano de Matos

19/09/2012

*****

“Buenas noches, yo tambien soy extranjero  hoy viviendo en san paulo,   ya 18 años de brasil  con un casamiento y dos hijos. En el barrio de Santo Amaro,  Avda Santo Amaro al 6500  ,  tenemos un local de venta de Empanadas Argentinas  ya tengo una señora boliviana trabajando con nosotros. Estamos buscando mas extranjeros  para trabajar con nosotros. Los registramos como exige la ley del Brasil y  es lo correcto.

Mis datos:
Empanadas Don Hugo
Rua Verbo Divino, 97  Chacra Santo Antonio   Cep  04719-000
Tel 2879 8858  4306 6852”.

Hugo Empanadas

18/09/2012

*****

“Receber informação sobre os estrangeiros que estão no Brasil.”

Francisca

17/09/2012

*****

“Bom dia, sou estrangeira – colombiana-. Tirei o meu CPF em 2011 e não precisei do RNE em momento nenhum. Mudou o procedimento?”
Elizabeth Rojas Alvarez
10/09/2012

*****

“Primeiramente voces tem qui entender uma coisa só , quanto mais imigrantes vierem para o brasil só vai piorar a situação do nosso pais , eles vão superlotar os hospitais as escolas amentar as favelas vao piorar tudo . na minha opinião tinham que ir embora sumir desse pais. porque a 10 anos atras esses mesmos imigrantes não queria nem ouvir falar no brasil. se eles continuarem vindo vão acabar com tudo !!! tem qui deportar todos . c quiser vir para o brasil soh c forem para gastar dinheiro !”.

Roberto

08/09/2012

*****

“Fico feliz em saber da possibilidade dos alunos estarem aprendendo outra cultura e língua tão diferente da nossa e mais feliz em saber que está sendo dado ainda na escola básica de graça. Sou do Rio de Janeiro e quero muito estudar o mandarim mas o curso é caro, caro , caro. E desconto é o que os cursos não querem dar infelizmente. Mas fico feliz pelos alunos que podem contato com a língua ainda jovens e pelo professor apresentar disposição em querer de fato transmitir conhecimento”.

Carina

15/08/2012

*****

“Site da Familia Santurbano com informações sobre a familia, cidadania italiana, genealogia, imigração italiana e viagens: http://www.famigliasanturbano.com ”

famigliasanturbano@gmail.com

14/08/2012

*****

“Prezados,

Trabalho em uma Empresa que eventualmente tem que cuidar de clandestinos que chegam ao Rio de Janeiro, até sua repatriação, caso eles não queiram ficar no Brasil. Por acaso vocês poderiam indicar-me um local (Hotel ou Pousada) onde eles possam ficar hospedados com conforto e segurança ?

antecipadamente grata”

Regina Cruz

13/08/2012

*****

“Olá Bom dia!
Estou procurando o nome de meu pai que veio refugiado da Romênia em 1958…ou 1954…não sei bem o ano.
Ele veio no navio Castel Bianco,junto com seus patrícios Carmem Breazu, Helena Breazu e Octavian Breazu…gostaria muito que vcs descobrissem algo como o nome dele correto, pois quando veio para o Brasil, seu nome foi mudado porque se naturalizou …ele passou a chamar-se Nicolae Niki, e acho que seu nome era Niki Nicolas ou Niki Nicolae, porque pelo seu nome correto, nós faremos uma busca pra saber seu endereço na RoMênia…ele era da cidade de Bucharest…não conheço nenhum de meus parentes de lá,gostaria muito que pudessem me ajudar…teria como??
Desde já agradeço”.
Anita Niki

06/08/2012

*****

“Para que se constitua união estável entre estrangeiro e brasileiro, quanto tempo deve haver a relação? quanto tempo devem morar juntos? só namoro não conta?

Grata”,
Vanessa

03/08/2012

*****

“Parabens pela reportagem. Estava de férias e me deparei com este absurdo que a FATENE está fazendo com os alunos africanos de Guiné.

Já fui professor desta Faculdade e este problema vem se arrastando deste de 2009 e só agora graças ao MP foi que os Diretores resolveram negociar.

O Diretor da Faculdade Evolução o senhor Paulo Cavalcanti foi o que esteve lá em Guiné. Prometeu mil coisas aos estudantes e cumpriu muito pouco com suas promessas.

É obvio que ninguém viria de lá sem um mínimo de apoio e foi exatamente isso que não aconteceu.

Promessa de moradia, transporte e preço fixo das mensalidades foram uma das promessas que nunca aconteceu como também a de assinar as carteiras de trabalho dos coordenadores e professores que trabalham lá de freelancer desde a sua existência.

Todos professores tem receio de denunciar ao MEC temendo represália por parte dos Diretores que nunca tiveram a dignidade de conversar sobre a possibilidade de assinarem as carteiras de trabalho dos professores e coordenadores.

Não entendo como um coordenador pode trabalhar em uma instituição de ensino superior sem ter a sua carteira assinada. Que compromisso este educador terá com a sua profissão? onde está o MEC o TRT que não fiscaliza isso ? acho que é a única Faculdade em Fortaleza que os professores trabalham sem a carteira assinada”.

Carlos Augusto

31/07/2012

*****

“Bom dia.

Na escola onde trabalhei soube que haitianos estavam trabalhando nas obras da escola.

Vieram para cá depois de um terremoto, um deles perdeu o pai lá e tem mâe, esposa e filhos, ele me fez uma pergunta que não soube responder aguardo oreintações e um contato telefonico para maiores esclarecimentos.

Um Haitiano recebeu visto na Policia Federal, de 6 meses para trabalhar aqui e um numero de cpf. Ele gostaria de saber primeiro, como ele poderia ficar definitvamente aqui no Brasil trabalhando e depois trazer a familia dele para cá”.

Isabel Dias

23/07/2012

*****

“Bom dia,

Sou formada em enfermagem e farmácia no Brasil pela Faculdade Estácio de Sá de Goiás da Universidade Estácio de Sá, e atualmente estou em Portugal à espera do resultado da minha candidatura para mestrado na Universidade de Coimbra.

Já vim quatro vezes em Portugal a visita familiar em período de férias, e como estudante e profissional, gostaria de dar uma sugestão de matéria que acho que é de inteira importância para a população brasileira, em especial para os profissionais, as universidades, Conselhos, Ministério da Educação e Relações Internacionais.

Antes de tudo, pergunto, será que o Brasil em si, sabe quanto que a educação brasileira a nível superior (pela experiência que já passei) é desrespeitada e desvalorizada em Portugal? Profissionais brasileiros que tentam reconhecer seu curso aqui para questão de trabalho ou para seguir carreiras nos estudos encontram não só uma barreira enorme, como muitas das vezes humilhações por parte das Ordens da sua profissão como dos próprios profissionais da área.

A educação e os profissionais brasileiros são vistos em Portugal como incapazes de exercer uma profissão pelo nível de educação que é oferecido no Brasil, enquanto muitas das vezes no nosso país é facilitado totalmente o reconhecimento profissional e estudos deste país.

O tratado de amizade entre Portugal e Brasil pelo que vejo é mais no papel que na realidade do dia á dia. Por isso, dou esta sugestão de reportagem de como é visto e tratado o ensino superior e o reconhecimento profissional (principalmente profissionais da saúde) brasileiros em Portugal.

Com certeza, depois dessa reportagem, nosso país tomará medidas para que sejamos mais respeitados e reconhecidos como deveria ser de fato.

Desde já agradeço pela atenção,

No aguardo”.

Margareth Oliveira Amâncio

20/07/2012

*****

“Olá, Moha!

Muito obrigado pelo apoio em relação à nossa campanha.

Gostaria de ter mais informações sobre a “o estrangeiro”. Quem sabe não podemos realizar ações em parceria.

Abraços”,

Marcelo Haydu
Diretor Executivo
Adus | Instituto de Reintegração do Refugiado – Brasil

16/07/2012

*****

“Fiquei pasmo e surpreso em saber das violências racistas nas Universidades UNESP; UNILA e UNILAB, investigações devem ser exigidas, essas atitudes nos remeteram de volta a ditadura militar ( onde esta a Dilma? ), Sou a favor de iniciarmos um movimento contra essas atitudes, intolerância, racismo e terrorismo.

Devemos nós (população em geral, estudantes e autoridades governamentais), refletirmos, qual o motivo da criação da UNILA e UNILAB?
Grande abraço”
Valter F. Martins

08/07/2012



Categorias:opinião

%d blogueiros gostam disto: