O ABRIGO DE BRASILÉIA SERÁ FECHADFO

Os imigrantes e refugiados que chegam por Brasiléia serão levados ao Parque de Exposições Castelo Branco. Não se sabe ainda das condições oferecidas pelo novo local.

O governo do Acre decidiu nesta terça-feira, dia 8 de abril, que o abrigo onde se encontram os imigrantes em Brasiléia, será fechado. A notícia foi dada na ocasião da visita do secretário dos Direitos Humanos do Acre, Nilson Mourão, ao local.

Segundo foi revelado, os imigrantes que ainda estão em Brasiléia serão transferidos para Rio Branco e, em seguida, irão para as regiões Sul e Sudeste do País. Os que ainda estão esperando a liberação dos documentos, serão levados para o Parque de Exposições Castelo Branco.

A decisão do governo vem de encontro às manifestações e reclamações de parte da população nos últimos dias. O abrigo em Brasiléia chegou a receber quase 2.600 imigrantes de várias nacionalidades, principalmente do Haiti e Senegal. Foram registrados mais de 19 mil entrada no Brasil pelo Acre nos últimos anos.

Recentemente, o prefeito da cidade vizinha de Epitaciolândia, André Hassem, enviou cerca de 252 imigrante senegaleses que estava vivendo num armazém de forma insalubre, para o abrigo em Brasiléia, depois de suspeitar de doenças.

A insatisfação por parte de alguns moradores de Brasiléia estava nítida, tanto que um dos moradores está colhendo assinaturas pela cidade, no afã de apresentar suas reclamações ao governador Sebastião Viana numa de suas próximas visitas na fronteira.

ORB – 08/04/2014
(editado)

 



Categorias:imigrantes

%d blogueiros gostam disto: