RORAIMA INTERNACIONAL

UFRR recebe alunos estrangeiros e amplia sua política de internacionalização.

Mais de 60 alunos provenientes de vários países começam a estudar na próxima semana na Universidade Federal de Roraima (UFRR). Na sexta-feira, 13 de março, a Coordenadoria de Relações Internacionais promoveu, no Salão Nobre, um encontro entre novos estudantes e servidores da UFRR.

Um momento de apresentar aos novos alunos a instituição que agora irão estudar e colocar-se à disposição para auxiliá-los neste momento de adaptação em uma nova cidade, um novo país.

A vinda dos estudantes é possível graças às ações de internacionalização, que incluem convênios e adesão a diversos programas de intercâmbio, como o de Alianças para a Educação e Capacitação (PAEC), Estudantes-Convênio de Graduação (PEC-G), Intercâmbio de Estudantes Brasil-Colômbia (Bracol) e o convênio com Pitzer College – USA.

Boa parte dos novos acadêmicos tem entre 18 e 25 anos. Um deles é Neider André, 19, participante do Programa de Intercâmbio de Estudantes Brasil-Colômbia, do qual a UFRR é signatária. Além de cursar um semestre do curso de Administração, quer aprimorar-se no domínio da língua portuguesa e aproveitar para conhecer as comunidades indígenas do Estado. “Eu sou indígena e quero conhecer um pouco sobre elas”, afirmou.

Outros programas com os quais a UFRR tem protocolo de adesão são o Ciência sem Fronteiras, Intercâmbio de Estudantes Brasil-México (Bramex), Bolsas Ibero-Americanas e Top Espanha – Banco Santander, além de vários convênios bilaterais. Esses programas já haviam permitido a vinda de 30 acadêmicos estrangeiros em semestres anteriores e o envio de cerca de 70 alunos da UFRR para estudar em diferentes países.

Funcionamento

Com os convênios da UFRR e as ações do Governo Federal, os alunos estrangeiros recebem a oportunidade de estudar em uma instituição pública e gratuita sem pagar nenhuma taxa. Ao chegar em Roraima, eles recebem as mesmas condições de um estudante regular, além de poder participar de programas que disponibilizam bolsas e auxílios que contribuem para a manutenção em Boa Vista e para o melhor aproveitamento dos estudos.

“É uma ação de reciprocidade. As mesmas condições que nós oferecemos para os estudantes que chegam à UFRR serão dadas aos nossos estudantes que irão para outros países,” explica o professor Alberto Castro, coordenador de Relações Internacionais da UFRR (CRINT).

“A importância desses programas é tornar a UFRR uma instituição com inserção internacional, contribuindo não só para a formação profissional de futuras lideranças, mas estimulando o convívio cultural entre estudantes de diferentes nacionalidades”, afirma o coordenador.

Apadrinhamento

Para facilitar o processo de adaptação dos acadêmicos, a UFRR lançou o Programa de Apadrinhamento de Estudantes Estrangeiros (PAEE), permitindo que alunos, professores e técnicos da instituição ajudem na integração e adaptação dos novatos com a realidade comunidade acadêmica local.

Também foi lançado um edital para seleção de bolsistas do Projeto Milton Santos de Acesso ao Ensino Superior (PROMISAES). A intenção é apoiar estudantes estrangeiros vinculados ao Programa de Estudantes Convênio de Graduação (PEC-G). As inscrições deverão ser realizadas no período de 09 a 12 de março, das 8h às 12h e das 14h às 18h, na Coordenação de Relações Internacionais, térreo do prédio da Reitoria da UFRR. O projeto concede auxílio financeiro no valor de R$ 622,00 por 10 meses.

(UFRR – 13/03/2015)



Categorias:estudantes

%d blogueiros gostam disto: