Série MITRA no Rio – Depoimentos de alunos do Mestrado Erasmus Mundus MITRA e sua experiência no Rio de Janeiro

O Estrangeiro publicará, ao longo dos meses de dezembro de 2019 e janeiro de 2020,
uma série de depoimentos de alunos do Mestrado MITRA – Migrações Transnacionais
da Universidade de Lille III que fizeram intercâmbio na Universidade Federal do Rio de
Janeiro. As matérias contarão, entre outras coisas, de onde essas pessoas vêm, como
era a visão que esses migrantes tinham do Brasil, por que escolheram vir para cá,
como foram suas experiências no país e quais foram os temas de suas pesquisas.

O Programa de Pós-Graduação em Psicossociologia de Comunidades e Ecologia Social –
EICOS/UFRJ é associado ao Mestrado MITRA, formação acadêmica e profissional que
agrega universidades, associações e centros de pesquisa sobre as migrações da
Europa, da África e da América. O programa forma indivíduos para gerir situações de
crise e conflitos, trabalhar em ambientes onde há diversidade cultural e atuar na
construção de estratégias culturais e políticas para lidar com a diferença. Mais de uma
dezena de alunos já foram recebidos no Rio de Janeiro e estudaram na UFRJ durante
pelo menos um semestre.

O programa de Mestrado Erasmus Mundus MITRA foi criado em 2012, com o nome
“Mediação intercultural: identidades, mobilidades, conflitos”. Nos últimos anos, os
fenômenos migratórios ganharam uma importância mais central na formação,
especialmente por conta da crescente necessidade de estudar a “crise migratória” e as
suas consequências a nível europeu e mundial. A migração é estudada no MITRA
segundo a complementaridade de abordagens disciplinares de diferentes
departamentos das instituições parceiras, que passam por Sociologia, Ciência Política,
Direito, Geografia, Psicologia e Educação.

Durante o MITRA, os estudantes precisam realizar um trabalho de campo e passar por
pelo menos duas das universidades que constituem o programa. As universidades-
membro são: Universidade de Lille (França), Universidade Livre de Bruxelas (Bélgica),
Universidade Babes-Bolyai de Cluj (Romênia), Universidade de Wroclaw (Polônia),
Universidade de Szeged (Hungria), Universidade de Cork (Irlanda) e Universidade de
Granada (Espanha). Já as universidades associadas, são as seguintes: Universidade do
Mar Egeu (Grécia), Universidade Cheikh Anta Diop (Senegal) e a Universidade Federal
do Rio de Janeiro. A base da formação é bilíngue, em inglês e francês, mas os alunos
têm a oportunidade de aprender outros idiomas, a depender do percurso escolhido.

Os artigos sobre os alunos do MITRA no Rio de Janeiro serão publicados
semanalmente. São relatos em formas de entrevistas e, por vezes, de textos escritos
pelos próprios indivíduos, no formato escolhido por eles.

A série de entrevistas é produzida por João Paulo Rossini T. C.

Captura de Tela 2019-12-04 às 16.19.17



Categorias:em pauta, estudantes, imigrantes

Tags:, , , , , , , , , ,

%d blogueiros gostam disto: